Como superar a exposição ao álcool e às drogas durante a gravidez


O abuso de drogas e álcool é um dos principais desafios de uma gestante, pois o uso de qualquer droga geralmente tem muitos efeitos negativos sobre o feto e pode levar a outros problemas após o parto. 

Álcool, drogas e gravidez não devem caminhar juntos de modo algum. 

Não é justo que uma alma inocente seja punida e venha a sofre por causa de más decisões de sua mãe. Muitas gravidezes indesejadas poderiam ser evitadas se suas mães não se entregassem ao abuso de drogas e álcool. 

Quando as mães tomam os devidos cuidados durante a gravidez, alguns problemas, a saber: baixo peso ao nascer, o diâmetro impróprio da cabeça, desenvolvimentos relacionados à idade, epilepsia, podem ser evitados. 

Apenas algumas mulheres ingerirão álcool mesmo depois de saberem sobre sua gravidez, enquanto muitas não sabem que estão grávidas até a 4ª a 6ª semana e o consumo delas durante esse período pode já ter causado danos suficientes ao feto. 

Como todas as mulheres querem ter um bebê em algum momento da vida, é aconselhável que as mães parem de usar drogas se estiverem tentando engravidar. Usar qualquer quantidade de drogas e álcool é considerado inseguro durante a gravidez.

Como superar a exposição pré-natal ao álcool e à droga 

É uma obrigação de todos participarem de eventos e campanhas  relacionadas a conscientização das gestantes e seus familiares, devido à seriedade do assunto. 

Abaixo estão listadas algumas maneiras de superar a exposição pré-natal e medicamentosa: 

Não tente resolver sozinha esse problema, junte-se à alguma associação de membros de sua comunidade ou hospitais próximos. 

O ideal é que o governo e associações em prol da saúde criem pôsteres, banners, propagandas, sites de mídia social popularizando os debates  relacionados ao pre natal da gestante, visando a conscientização e mobilização de toda a comunidade. 

As autoridades da saúde devem fomentar a criação de grupos de bate-papo no Facebook, hashtags no Twitter, por exemplo.

É necessário evitar drogas desde quando a mulher está querendo engravidar, essa é a única maneira de proteger seu filho do caos causado pelo uso de drogas. 

Porém, é muito fácil para todos debaterem acerca do uso do álcool na gestação, mas para a sofredora, não é realmente fácil lidar com a situação e livrar-se do problema. 

A gestante deve conversar com um profissional de saúde, preferencialmente, um médico e buscar as formas de se abster do uso de drogas. 

As ideias discutidas aqui não se baseiam nas opiniões ou sugestões de um médico. Por favor, verifique com seu médico para obter mais informações sobre este grave problema.



Leite materno e a importância da amamentação


O Leite materno é essencial para o seu bebê

O ato de amamentar deve ser uma experiência compensadora tanto para a mamãe como para o bebé, já que trás benefícios à saúde física e mental de ambos. O leite materno é fundamental, pois proporciona um alimento apropriado às necessidades fisiológicas e imunitárias em cada momento da vida do seu bebé.

A OMS (Organização Mundial de saúde) recomenda que se privilegie o aleitamento materno, exclusivo, nos primeiros 6 meses de vida do bebé. O leite materno é necessário para que o bebé nasça com saúde e possa crescer com segurança, este é um critério de qualidade dos cuidados de saúde peri-natais.

A amamentação natural trás muitos benefícios ao bebé, ela é excelente para o desenvolvimento facial infantil. A amamentação é uma actividade que possui alta dinâmica mandibular, e uma mastigação que completa um circuito fisiológico que envolve a respiração e uma deglutição correctas. Além de proporcionar estímulos neurais de crescimento adequados para prevenir as más oclusões dentárias por hipo desenvolvimento.

Vantagens e importância da amamentação:

  • O vínculo, que na altura da amamentação, se cria entre o binómio Mãe/Filho é muito forte, reforçando a afectividade entre ambos e que cresce em cada mamada. É, ainda, muito menos provável que uma mãe que amamente, abandone ou maltrate o seu filho. Tanto a mãe como o filho saem desta experiência mais enriquecidos e com uma maior segurança e auto-estima.
  • O leite materno é a forma natural da mãe alimentar o seu filho, assim sendo, não existe melhor alimento para o bebé. Além de estar perfeitamente adaptado às necessidades nutricionais do bebé, também do ponto de vista imunológico protege a sua saúde de forma insubstituível. Podemos trocá-lo por outro tipo de leite, no entanto, os efeitos benéficos não vão ser os mesmos. Isto só deve acontecer nos casos em que a mãe não pode amamentar por alguma razão válida.
  • O aleitamento materno favorece, também, a saúde da mãe, restabelecendo um equilíbrio emocional nessa fase tão importante da vida de uma mulher. E é, obviamente, vantajoso em termos económicos e ecológicos.

Apesar de todas estas vantagens, a falta de informação e apoio prático por parte dos técnicos da saúde, levam a que muitas mães, não consigam superar as dificuldades com que se deparam no decorrer da amamentação e esta se torne, em vez de um prazer, uma situação desesperante, o que leva ao abandono precoce da mesma.

Temos esperança que os responsáveis de saúde e políticos, canalizem os seus esforços para o apoio às mães, de forma a fornecer-lhe a informação e ajuda, necessárias para que as mesmas se sintam seguras e estejam dotadas de meio para ultrapassar as dificuldades que advém da amamentação com leite materno. É fundamental ter em mente O Leite materno e a importância da amamentação. Se vai ser mãe, pense em si e no seu filho! A amamentação é um acto único e de rara beleza, não o descure.

Roupa adequada para disfarçar os quilinhos a mais


No que se refere ao vestuário, as mulheres devem ajustar os diferentes tipos de roupa ao seu tipo de corpo e claro ao seu estilo pessoal e profissional. A roupa certa ajuda a camuflar as zonas que menos gostamos e a evidenciar as que mais gostamos.

Se pelo contrário tens peso a menos deves ver Roupa adequada para pessoas magras.

Dicas para disfarçar quilos a mais

- Usar camisas com um bom corte e com pinças de cada lado para adelgaçar a parte superior do corpo.

- Casacos pouco compridos, pela altura da anca ou no máximo a terminar logo abaixo do quadril, com um corte evasé.

- Os vestidos devem ser pelo joelho, pois se forem mais compridos fazem a pessoa parecer mais baixa e gordinha e o corte deve ser sempre evasé ou trapézio.

- As saias também devem ser pelo joelho, igualmente com o mesmo tipo de corte, já que o formato evasé deve ser privilegiado por pessoas com mais peso.

- As calças devem ser estilo boot-cut, ou seja, mais justas em cima e mais largas do joelho para baixo.

- Nada de bolsos grandes ou bolsos a meio da perna pois tornam as pernas mais volumosas.

- Os decotes devem ser em bico, pois alongam a zona do peito. Pode usar decotes quadrados, desde que não sejam muito grandes. Pode usar feitios fantasia com repuxados na vertical e em viés, trespasse e decote em forma de coração.

- Devem evitar-se padrões grandes e riscas na horizontal, cores muito claras e brilhos.

- A toilette deve ser complementada por sapatos, sandálias, botins ou botas de cano alto com o formato bicudo, salto médio ou alto e fino (os de  plataforma  tornam a perna mais grossa) pois alongam a perna e fazem a pessoa parecer mais alta.

- Não use roupas demasiado largas para esconder o peito grande ou a barriguinha, pois tem exatamente o efeito contrário. Roupa larga faz a pessoa parecer mais gorda, por isso a roupa não deve ser nem muito justa pois não a favorecerá, nem demasiado larga. Por exemplo, se veste o 40, não compre uma camisa 42 só porque fica mais larga e pensa que assim irá disfarçar a sua barriga.

- Nunca esquecer os acessórios pois são essenciais para complementar e evidenciar uma toilette. Malas, brincos, colares, pulseiras, écharpes, cachecóis, luvas, gorros, boinas e chapéus são os acessórios que deve usar.

Espero que tenham gostado das dicas para pessoas mais gordinhas.

Grávida depois dos 35 anos

É cada vez mais comum notar que as mulheres de hoje em dia estão esperando mais tempo para ficarem grávidas. Essas mudanças devem não só pelo fato de que a vida cotidiana está muito cara, mas também porque as mulheres resolveram se realizar profissionalmente.

Os tempos mudaram, as mulheres são mais independentes do que nunca e por isso muitas vezes o desejo de realizar seu lado materno fica um pouco a espera. Mas sempre fica a as dúvidas e os medos de ficar grávida depois dos 30, nesse caso até depois dos 35.

Mães, um conselho que damos, não existe motivos para estar com medo, hoje em dia os avanços médicos na ginecologia e obstetrícia possibilitam que as mães com mais de 35 anos possam ter sua gravidez, parto e filhos saudáveis. Claro que uma gravidez próxima dos 40 anos, deve ser mais acompanhada, mas tudo tende a se desenvolver bem se a mãe se cuida de maneira saudável.

Como falamos anteriormente, se a mãe é saudável, a gestão tende a ser normal e transcorrer bem, mas existem fatores mais comuns nas mulheres acima dos 35 anos, como: Diabete gestacional, pressão arterial, problemas na placenta, complicações no parto e até partos prematuros. A partir dos 35 anos existe um risco maior de ter um bebê com síndrome de Down e com outras alterações cromossômicas. Esse índice é de 1 á cada 400 mulheres.

Mas o que podemos fazer para diminuir os riscos da gravidez?

Podemos começar a nos cuidar muito antes de engravidar, visite seu médico e peça para fazer os exames de rotina, para saber se está tudo bem com a sua saúde. Se você não teve tempo de fazer um Check-up, não se preocupe. Segue algumas dicas para uma gestação e parto saudável:

  • Comece o mais rápido possível o pré-natal.
  • Controle seu peso.
  • Não coma alimentos mal cozidos e com excesso de sal.
  • Tenha uma alimentação equilibrada e saudável, com alimentos que incluía vitaminas.
  • Não bebe álcool, não fume e não use drogas.
  • Evite contato com gatos, principalmente em sua caixa de necessidades.
  • Durma e descanse quantas vezes o seu corpo pedir.

Com alguns cuidados podemos diminuir qualquer risco que a gravidez depois dos 35 anos pode ocasionar. E se você está com mais de 30 anos e deseja saber como engravidar rápido vale a pena buscar informações e não desisitr.

Do Mundo Nada Se Leva. 

Vejam só, vazio. É assim mesmo. Colocam o "presunto", algumas flores ( me dêem enquanto viva), e mais nada. Choram (riam comigo em vida) e enterram (só façam isto comigo depois de morta). A criatura volta ao pó como era e o espírito a Deus que o deu. Quando feito em Deus na obediência a Jesus Cristo.

"Os bens do rico lhe são cidade forte e, segundo imagina, uma alta muralha."

O pior é que, também avaliamos um cidadão por este prisma, ou seja, pelo que possui. Muitas vezes pensamos: como seria bom ter uma vida como a de fulano. Ele não tem preocupação. Tanto faz o dólar subir, a bolsa cair, ele não se altera. O seu bolso e a sua bolsa não mucham, sempre engordam.

Não há problema em ser rico. A dificuldade é com os que querem ficar ricos. Estes caem em tentação, e cilada, e em muitas cobiças insensatas e perniciosas as quais afogam muitos homens na ruína e na perdição.

O amor ao dinheiro é a raiz de todos os males; Não é o amor ao papel, mas ao que este pode adquirir. A sedução e o poder de uma carteira cheia podem subir à cabeça e transformar vidas simples e tranqüilas. É verdade que o dinheiro, humanamente falando, por tudo responde.

O que o dinheiro não compra: um bom nome, felicidade, carisma, amor, paz, alegria e uma porção de benefícios para alma. Não quero que isto seja só um refrão, para consolo, de quem só possui dívidas e uma carteira minguada.

A muralha é fraca, e a cidade forte não dura para sempre. Em nenhum caixão se leva nada de valor para o túmulo. Por mais rico que seja o ocupante do mesmo, nesta hora, volta para terra nu, como nu saiu do ventre materno. Nenhuma roupa de estilísta famoso fará diferença, como também nenhuma jóia com um design maravilhoso. Nada acompanhará, a não ser a grande promessa: "Ainda que eu ande no vale da sombra da morte, tu estarás comigo."
Referências Bíblicas: Livro de provérbios 18:11; - 1Timóteo 6:7-10; Salmo 23.

Para ter acesso a um conteúdo inteligente sobre o universo feminino clique aqui.

Mulher 

Filhas de Sara.

Este é o nome de um dos muitos livros da escritora Judith Kemp, uma preciosa amiga minha.
Achei este título muito interessante. Fui ver a referência e me impressionei mais ainda. Esta mulher, Sara, nunca teve uma filha. Ela só foi mãe de um filho, quando já era idosa. Isto, através de um milagre de Deus.
Ela dá um exemplo às mulheres. Chama-as a obedecerem seus maridos como senhor. Igual, nossas bisavós faziam antigamente. Obedeciam e chamavam os maridos com respeito e honraria. O livro, de onde foi tirada esta orientação, é eterno e atemporal.
Vocês devem estar trêmulas. Pensam: só isto nos falta, chamar marido de senhor! E, ainda por cima obedecê-los? Tá doida? Ah! não dá! Antes a separação, a morte, o que seja, menos esta humilhação.
Mas, as filhas de Sara não pensam assim. E sabem por quê? Elas sabem que são donas do seu mundo. É o que basta! Não dá para dominar nada, se não conquistarmos o nosso próprio território. Concordam? A idéia é sábia e trará benefícios para cada uma de nós. Todos no lar serão beneficiados. Isto não requer que sejamos alheias, capachos e despersonalizadas. Muito pelo contrário. Deus não capacita os desqualificados.
Uma mulher só conhecerá o seu valor, se valorizar o seu esposo. Por que escolheu um ser tão desprezível para ser o "seu marido"? Será que estava em promoção? Ou você, na ânsia de casar e, não ficar para tia, não pensou direito. Escolheu a esmo? Tirou sorte na flor bem-me-quer, mal-me-quer? Poderosa, hein?
Se você fez uma escolha acertada, pode obedecer ou chamar com respeito o seu companheiro. Nada de mais! O trecho, talvez lhe alerte a chamá-lo de algo digno. De palavras indignas ou adjetivos não publicáveis, eles já estão cheios e cansados de serem denominados. Daí o falar tanto e não se ter resposta para quase nada.
Ninguém a obrigou a casar. Todo lar bem constituído precisa de uma cabeça, um tronco e os membros. Todos são importantes nas suas funções. Ninguém tem mais valor do que ninguém. A hierarquia é necessária em qualquer instituição. Só traz benefícios.
Filha de Sara é assim. Ela pratica o bem e não teme nenhuma perturbação. Ou seja, nenhum deboche, nenhuma descriminação.
Óbvio, como filhas dessa mulher, vamos captar o sentido desta mensagem. Assim, sentaremos soberanas no topo do nosso mundo.
Referência Bíblica: 1 Pedro 3:6.

O diretor Michael Moore mostra um presidente americano insensato 

O polêmico documentário Fahrenheit 11 de setembro, de Michael Moore, sob a égide de ser declaradamente anti-bush. O autor é conhecido por colocar lenha na fogueira, como o filme Tiros em Columbine, onde investiga a fascinação dos americanos pelas armas de fogo, que lhe rendeu o Oscar. Em Fahrenheit, ele já conquistou a Palma de Ouro, no Festival de Cannes dividiu a crítica americana.

O filme é uma mistura de documentário, sátira e propaganda que Moore, disse que fez com o propósito de impedir que o presidente George W. Bush consiga apoio para um segundo mandato nas eleições de novembro de 2004. Legisladores e dirigentes do Partido Democrata lideraram a multidão que nesta quinta-feira, dia 24 de junho, assistiu à pré-estréia do filme. Os democratas afirmaram que o longa-metragem irá contribuir para tornar a campanha eleitoral mais animada este ano. Moore deixa claro que não é democrata e não está fazendo campanha para nenhum candidado.

Fahrenheit, que tem duas horas de duração, apresenta o presidente Bush como um homem preguiçoso e que durante o verão (no hemisfério norte) de 2001 não prestou atenção aos indícios de que a Al Qaeda se preparava para atacar os Estados Unidos.
Além disso, Moore sustenta que o governo de Bush manipulou a opinião pública depois dos atentados de setembro de 2001, com o objetivo de ganhar apoio para sua guerra contra o Iraque.

O governo já deu seu veredicto sobre o filme que irá está em todos os cinemas dos Eua:"é escandalosamente falso", disse o porta-voz da Casa Branca, Dan Bartlett.
O representante democrata, Jay Inslee, de Washington, disse que o filme é muito bom e acrescentou que organizará sessões em um teatro de Seattle para aproveitar a fúria que recai contra o governo.

O presidente do Comitê Nacional do Partido Democrata, Terry McAuliffe, disse que "o filme irá desempenhar um papel importante neste ano eleitoral". Frances Lee, uma professora de ciências políticas na Universidade Case Western Reserve, disse que não conseguia lembrar de algo comparável em uma campanha presidencial. O filme já estréia quebrando recordes de bilheteria sendo comparado com A Paixão de Cristo por conta da polêmica. Entretanto, está sendo atacado por simpatizantes do presidente George W. Bush: "Michael Moore é atrevido, tedencioso e altamente contraditório. Ele consegue enlouquecer até seus fãs mais ardorosos", escreveu o crítico A. O. Scott, do jornal The New York Times. No Brasil, o filme tem lançamento previsto em 16 de julho.

A guerra no Iraque tem desencadeado ações violentas como a decaptação de cidadãos americanos e, recentemente, do evangélico sul-coreano. Ao invés de construir um país, marcado pelo ditatorialismo de Saddam Houssein, o presidente americano está destruindo a esperança, a memória e a dignidade do Iraque. Para se reerguer desse caos, causado por interesses econômicos e camuflado pelo terror das armas químicas, será necessário intervir nesta política cristã-nacionalista de Bush. Este documentário poderá trazer reflexões sobre o fundamentalismo religioso que está imperando no século XXI, arruinando nações. 


A Família 

A familia é abençoada por Deus. Honra teu pai e tua mãe (Êxodo 20.12) Quinto mandamento.

Honra a teu pai e tua mãe (...) para que te vá bem, e sejas de longa vida sobre a terra. Efésios 6.2-3

Respeito meus pais obedecendo a eles e tentando agradá-los.

A sua casa é um campo de batalha? Parece que há brigas constantes? Faça o teste: quantas dessas brigas podem estar sendo causadas por você? Quantas delas você poderia tentar evitar?

Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne.


"Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne ".(Gênesis 2:24) A instituição do casamento foi algo sagrado deixado por Deus à humanidade. Esta afinidade é completada com o nascimento dos filhos. O adversário do homem tem tentado de todas as maneiras possíveis dissolver toda instituição criada por Deus em torno da união familiar, usando de falsos argumentos afim de acabar com o casamento, o qual recebeu, literalmente, as bênçãos de homens separados por Deus para tal.
Nos filhos, as drogas tem sido a arma para criar as mais diversas desgraças sobre a família, ao ponto de já terem chegado as universidades e ser um assunto abordado constantemente pela mídia. Essas escolas que tem como o grande objetivo formar os futuros administradores, e porque não dizer: os governantes que dirigirão os destinos do planeta. Mas Deus com a sua infinita misericórdia ainda tem despertado pessoas que incansavelmente lutam contra tais doenças que assolam a sociedade. Já tive o grande prazer em participar solenidade sobre o assunto. Uma reunião onde varias pessoas das mais variadas idades testificavam do tempo que estão se abstendo de dependências químicas, em decorrência da ajuda que tiveram em reuniões sobre o assunto. Outro grupo falava em alto e bom som que ao terminar o curso "Casados Para Sempre", na qual tenho minha irmã Raquel como uma ardente defensora dos ideais da família, suas vidas conjugais tinham tomado novos rumos (para melhor). Quero aproveitar este espaço e parabenizar todos os colaboradores que voluntariamente, dedicam seu tempo para recuperação de pessoas, e a restauração da maior instituição que Deus deixou, a família. Antes que as drogas consuma alguém que você tanto ama, ou que seu casamento acabe, existem varias instituições que podem cuidar de você. Não tenha vergonha peça ajuda, você é tudo para sua família e Deus é tudo para você.

Liberdade

Liberdade versus Libertinagem. 

I Coríntios 10:23. 

Introdução:

- A Palavra de Deus diz claramente que
- "Tudo me é permitido, mas nem tudo me convém".
- A bem da verdade nem tudo realmente edifica, pois algumas destas coisas (em tudo) podem, muito bem, me destruir ao invés de me edificar;
- Por esta razão Deus nos concede toda a Liberdade, tanto que podemos nos utilizar o nosso Livre Arbítrio, mas este tem que ser usado sem Libertinagem.

Primeiramente vamos as definições de:
- Liberdade - "é o poder de fazer ou deixar de fazer algo, ou de escolher alguma coisa".
- Libertinagem - "é Devassidão; é corrupção de algo"; e Devassidão é aquilo que é "Desregrado", "Contrário a decência".
- Livre Arbítrio - sua definição: "É uma propriedade de Livre escolha pessoal de algo ou alguma coisa".

- Logo entendemos pela a Bíblia, a Palavra de Deus, que fomos criados com o Livre Arbítrio e com toda a Liberdade, e que não podemos exercer este nosso direito com Libertinagem.

- Temos de ser Sábios e Prudentes, nos mantendo dentro dos Ensinamentos do Evangelho e Observando ao nosso Redor para que mantenhamos o nosso Bom Testemunho, principalmente para "os que estão de fora".

I - Deus "nos deu" uma propriedade, muito interessante, o "Livre Arbítrio":

- Deus me é permite fazer tudo, mas tenho de tomar cuidado com elas, I Coríntios 6:12:

a) Adão e Eva, nossos primeiros Pais, foram criados sem nenhum tipo de impedimento, como nós tudo podiam fazer, Gênesis 2:16;

b) Podiam "fazer e comer" de tudo que havia no Jardim, sem problemas, Gênesis 1:29;
c) Mas, tinham de observar a guarda de um único mandamento, Gênesis 2:17.

- O Livre Arbítrio é termos opções de escolha entre o que é Certo e o que é errado. E os parâmetros que deverão ser utilizados, são os Ensinamentos que estão no Evangelho do Senhor Jesus Cristo. Lemos isto em João 6:68.


II - O que é a Liberdade diante do Senhor ?

- A nossa Liberdade, tem de estar espelhada nos Ensinos de Cristo, Tiago 1:25:

a) Nossas, Atitudes, Palavras e Obras, serão julgadas, por Deus, pela Lei da Liberdade que nos foi dado. Esta Liberdade nos foi concedida para que escolhêssemos, em Tiago 2:12;
b) Como Servos e Servas de Deus, é nosso dever, e obrigação, "Andar dentro dos princípios no Espírito Santo". Nele está a verdadeira Liberdade, II Coríntios 3:17;
c) Alem disto, somos orientados, pelo próprio Senhor Jesus, a não dar lugar ás paixões (as coisas passageiras), as concupiscências (a corrupção), da Carne, I Tessalonicenses 4:4-5.


III - O que é a Libertinagem diante do Senhor ?

1) Não usar da nossa Liberdade para dar lugar a Carne, Gálatas 5:13:

a) Somos atraídos a pecar pela inclinação, por atendermos, a nossa Carne,Tiago 1:14;
b) Se "alimentarmos ou dar crédito" aos Desejos da Carne, ele nos Dominará, Tiago 1:15;
c) Deus nos quer, hoje, como no Momento da Criação em Gênesis (na Inocência de Adão e Eva), ou seja, Puros, Santos e Imaculados, Tiago 1:18.

"Mas, o que é Carne ?" - Carne é como chamamos os nossos Desejos Interiores. Estes, têm de ser domados. Por isto vigiamos para que não nos dominem. Os desejos a carne tem quer ser totalmente "mortificados". Encontramos esta verdade bíblica em Romanos 8:13.

2) Há um perigo muito grande: "Ensinos falsos e errados que tentam transformar a Graça de Deus em Libertinagem", leia em Judas 4:

a) Há quem ensine uma falsa Liberdade dentro das Escrituras Sagradas. Estes mancham a Terra com Devassidão e sua Malícia, por propagar o erro, Jeremias 3:2;
b) Os Ímpios, ao nosso redor, tentam nos Influenciar, nos encaminhar e nos levar abertamente para as coisas erradas, Salmos 1:1;
c) É nossa obrigação, não nos deixar "seduzir" pelas coisas erradas, Provérbios 1:10.

3) A prática da Libertinagem traz difamação para "o nosso meio", II Pedro 2:2:

a) O Senhor Jesus nos ensina que: O mal não é "o que entra" pela Boca, mas o Mal é o que saí a Boca. Por que isto vem do Coração, Marcos 7:20-23;
b) Muitos usam a Liberdade, que há em Cristo como pretexto, para pratica de coisas erradas e pecaminosas, I Pedro 2:16;
c) Não posso me deixar levar pela minha "Carne", e nem pelo "meio onde estou". Todos somos frutos do meio em que vivemos, temos de vigiar para nos manter dentro do Propósito de Deus, Ezequiel 23:21.


IV - A Correta Pratica da Liberdade;

- Pois o Reino de Deus é Poder, I Coríntios 4:20.

1) Que a nossa "liberdade" seja sempre para edificação, minha e de quem está perto de mim, como em I Coríntios 8:9;
2) O segredo do sucesso está em deixar que o Espírito Santo de Deus esteja dirigindo minha vida. Aí há santidade, II Coríntios 3:17;
3) Ter uma vida, totalmente, no Altar de Deus, terá como Fruto um bom testemunho, "tanto para os de dentro como os de fora", Gálatas 5:13.

Conclusão:

1) Fomos Libertados de uma Vida de Pecado, pelo Senhor Jesus para não voltarmos a Escravidão, com diz em Gálatas 5:1;
2) Somos chamados a uma Verdadeira Liberdade a uma Libertação, por conhecer e permanecer na Verdade de Deus, João 8:32 e 36;
3) Nos é concedida uma Nova Vida, liberta em Cristo, II Coríntios 5:17.

Sara

Viajante e Fotógrafo

Gosto de tudo que me dá a sensação de liberdade: liberdade de me expressar, de optar para onde ir ou não ir, liberdade de escolha se compro algo ou não, gosto de saber que eu estou no controle de minha vida e sou livre!

 

Contate-me

Deixe um recado ou siga-me online

Você está querendo saber mais sobre mim indicar um tema para novo post? Fique à vontade de deixar o seu comentário ou compartilhar ideias. Contate-me!

"Enquanto, por efeito de leis e costumes, houver proscrição social, forçando
a existência, em plena civilização, de verdadeiros infernos, e desvirtuando,
por humana fatalidade, um destino por natureza divino; enquanto os três
problemas do século - a degradação do homem pelo proletariado, a
prostituição da mulher pela fome, e a atrofia da criança pela ignorância -
não forem resolvidos; enquanto houver lugares onde seja possível a
asfixia social; em outras palavras, e de um ponto de
vista mais amplo ainda, enquanto sobre a
terra houver ignorância e miséria, livros
como este não serão inúteis." Victor Hugo, in: OS MISERÁVEIS (1862)